Recital com

ANA HÄSLER

A VillaVox Academia de Música tem a honra de convidar a toda comunidade para o recital da cantora lírica Ana Häsler que se realizará no auditório Poty Lazarotto no dia 18 de fevereiro de 2017 às 19:00. A cantora irá interpretar canções hispano-americana em um recital onde será acompanhada pela pianista Clenice Ortigara. Os interessados em adquirir ingressos poderão fazê-lo antecipadamente na secretaria da VillaVox Academia de Música ou ainda pelos fones: 41 35381485, 41 985234476 ou ainda pelo email musica@villavox.com.br
Agradecemos a organização do FEMUSC de Santa Catarina e a Pró-Música de Curitiba na figura do diretor Thiago Montero que nos apoia com esta iniciativa de poder trazer uma artista de primeira grandeza.

APRENDENDO E DESAPRENDENDO

 

(Eloy Melônio/Clube da Poesia

de São Luís-MA)

“Será que a história se tece e se tece e não aprendemos nada?” (Jacques Lacan).

A indagação de Lacan sobre os erros e acertos da humanidade ― mais erros do que acertos ―, nos faz refletir sobre os caminhos que o homem vem trilhando ao longo da história. Dois velhos ditados nos ensinam que “o tempo é nosso melhor professor”, ou que “a história se repete”. E assim caminhamos para frente e “para trás” (?).


O poema Homo Gentis tenta mostrar esses caminhos e suas incoerências.

“Um mundo de gente
comendo o fruto
sem nunca antes
ter plantado a semente.”

Pingo político

1 - Durante as comemorações do aniversário de 322 anos de Curitiba uma das principais referências da poesia curitibana, a Feira do Poeta, no Largo da Ordem, retomou suas atividades depois de doze anos inativa. Agora, diante das mudanças de comando na área municipal, permanece dúvidas pertinentes ao apoio a essa referência literária curitibana.

(Foto: Haraton Maravalhas - Acervo Casa da Memória)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

2 - O provável novo Ministro do STF, Alexandre Moraes, já disse: "O poder investigatório do MP não é sinônimo de poder sem limites ou avesso à controles..."

3 - Com 20 vôos diários e em horários acessíveis na rota Brasília-São Paulo, Aécio Neves  preferiu exatamente um jatinho bichado (pago com o fundo partidário) pra voar?

4 - A Câmara dos Deputados analisa em plenário, proposta do deputado Carlos Bezerra (PMDB/MT) dando licença de até 3 dias, ao mês, durante período menstrual. Já foi aprovado em três comissões anteriores da Casa.

5 - Se quiser conhecer alguns detalhes interessantes sobre a LEI DA CULTURA, ou Lei Rouanet, basta acessar o site:

 

http://www.brasil.gov.br/cultura/2009/11/lei-rouanet  (ou algumas verdades em):

https://www.nexojornal.com.br/explicado/2016/10/06/Lei-Rouanet-os-acertos-e-os-erros-do-incentivo-%C3%A0-cultura-no-Brasil

6 - MESMO com muita gente contrária, a vaquejada, o rodeio e expressões artístico-culturais similares ganharão o status de manifestações da cultura nacional e serão elevadas à condição de patrimônio cultural imaterial do Brasil. É o que estabelece a Lei 13.364/2016, sancionada sem vetos pela Presidência da República e publicada no  Diário Oficial da União.

7 - Para quem gosta de ensaios, bom ler A DIFÍCIL RELAÇÃO ENTRE POLÍTICA E CULTURA NO BRASIL, de Telmo Antonio Dinelli Estevinho, doutor em Ciência Política pela PUC-SP, professor do Departamento de Sociologia e Ciência Política da UFMT e pesquisador do Neamp/SP.

Muito interessante. Em PDF: http://www.pucsp.br/neamp/downloads/dificil-relacao-politica-cultura-brasil.pdf

LIVROS IMPERDÍVEIS DE LER

O 'Best-Seller' de 2008, em Curitiba-PR

"Curitibocas - Diálogos Urbanos" é um deles.

O livro reúne 17 entrevistas com os principais ícones curitibanos.

A obra faz uma radiografia da cidade, de seus atores mais

influentes e das discussões contemporâneas mundiais. Derrubando as

lendas urbanas que a caracterizam, o livro explicita um ponto de vista

único para os curitibanos e situa no contexto, os leitores de fora da cidade.

Desde abril de 2008 um espaço aberto na internet, vinha exibindo textos, crônicas, vídeos, trechos de áudio e demais posts relacionadas ao livro. Isso criou uma grande espectativa em torno dele que traz, dentre várias figuras inusitadas que transbordam as ruas de Curitiba e o imaginário popular, pessoas reais como Efigênia Ramos Rolim (A Rainha do Papel de Bala): Faz arte com lixo. Contadora de histórias e poeta. Helio Leites: Artista minimalista que cria histórias a partir de caixinhas de fósforos. Fundador do Museu do Botão. Terezinha dos Santos (Borboleta 13 - Mulher da Cobra): Vendedora de bilhetes de loteria da Rua XV de Novembro. Sua fama se deve a sua potente voz ao anunciar a "Cobra" e a "Borboleta 13". Ademir Antunes (Plá): Músico de rua com mais de 30 discos gravados. Nelson Rebello (Oilman): Ciclista e herói. Pedala todos os dias pela cidade com sunga e óleo. Didonet Thomaz: Artista plástica que constrói poéticas visuais em casas de famílias curitibanas. Edilson Viriato: Artista plástico moderno transgressor. Conhecido internacionalmente por performances polêmicas. Joba Tridente: Multi-artista. Formou parte da equipe do Nicolau, revista cultural publicada entre 1987 e 1994. Paulo Cezar dos Santos Rodrigues: Professor universitário, maratonista e presidente da A.C.O.R.B.A. (Associação dos Corredores de Rua de Curitiba). Juliano Rodrigues (Suk): Puxador da Fanáticos, torcida organizada do Atlético Paranaense. Murilo Mendonça: Jornalista e estudioso das periferias urbanas. Por conta própria, trocou a vida de classe média-alta para viver em uma favela. Mila Behrendt: Contadora de histórias, autora de livros infantis e pesquisadora de contos de fadas. Irmã Custódia: Freira que defende o Concilio do Vaticano II. Trocou o hábito pela maquiagem. Canta, dança e agita os cultos. Valdir Novaki: Pipoqueiro empreendedor que constantemente inclui inovações de marketing para melhor atender sua freguesia em seu carrinho. Ademir Paixão: Chargista da Gazeta do Povo. Key Imaguirre: Professor de arquitetura da UFPR e fundador da Gibiteca. Ivo Rodrigues: Músico e compositor líder da banda Blindagem.

A 31a edição do Salão do Livro e da Imprensa de Genebra, considerado o maior evento literário da Suíça e um dos mais prestigiado em toda a Europa, foi recheado de eventos

remarcáveis:

- presença de autores consagrados como Yang Queffélec, Raphael Mezrahi, Nancy

Huston, Alain Mabanckou, Audrey Pulvar ou João Dicker e exposições

maravilhosas como “ O mundo de PAULO COELHO”, TITEUF PAR LÁ BANDE”,

“VINCENT MUNIER FOTÓGRAFO DO ÁRTICO”, PEUT-ON RIRE DE REIN?” DE

VIGOUSSE;

- Entrega de prêmios : prêmio do Salão, Prêmio Kourouma, prêmio do público da

RTS e o prêmio Cultive de Literatura.

- Presença de editoras do mundo inteiro;

- Professionais da tradução literária: Agentes literários, ilustradores,

representantes de material para gráfica e material para impressão.

O Salão do livro e da Imprensa de Genebra é um evento internacional que se realiza

há 31 anos em Genebra.

- Em 2016 foram mais de 1000 autores que apresentaram seus trabalhos em

sessões de autógrafo e palestras com a presença de diversos agentes literários.

- Em todas as Edições o Salão homenageia um País Convidado de Honra que ganha

destaque no espaço do Evento e a Cultive em 2017 segue a mesma

homenageando uma figura do quadro cultural.

O Salão enfatiza a literatura e a imprensa em todos os sentidos, levando ao leitor

novos e antigos escritores do mundo e ao escritor a possibilidade de conhecer de

perto o mundo em que trabalha.

A previsão de visita durante o Salão do Livro de Genebra é de mais de 100 mil

pessoas. Em 2016 foram registradas 95 mil entradas, 800 editoras, 856 autores

presentes, mais de 2200 eventos de animações( entrevistas, sessões de autógrafos,

ateliês de animações etc); 234 jornalistas credenciados, 263 citações na mídia 30

programas de tv e rádio veiculados diretamente do local e exposição.

A comunidade Lusófona na Suíça é de aproximadamente 300 mil pessoas. O serviço

de distribuição e venda de livros em língua portuguesa fica restrito à algumas

livrarias mantidas por portugueses e praticamente à literatura de Portugal e são em

números restrito a 2 ou 3 livrarias. Com algumas exceções encontramos nas

grandes livrarias da Suíça livros traduzidos em francês, mas apenas de escritores

brasileiros consagrados.

Sabemos, hoje, que há um grande mercado para a literatura lusófona na Europa,

falta-nos tudo, inclusive literatura infantil. O acesso à literatura infantil em língua

portuguesa é escasso e procurado. Na Europa a cultura da leitura é incentivada nas

crianças desde a tenra idade, já foi feito estudos mostrando que a população

imigrante procura incentivar os filhos a conhecer a cultura de seus países de origem.

CULTIVE – Cultural Events

ArtLittératureSolidarité

Genebra

0041 79 616 37 93

imperianov@gamil.com

site: http://arts-imperiano.wixsite.com/cultive

e à leitura, como a empurrá-los a atravessar a porta do conhecimento, a qual não

tiveram acesso e que os levaram a deixar seus países em busca de oportunidade.

A Cultive quer fazer um trabalho com a cultura Lusófona na Europa. Não somos

editora, mas uma entidade de divulgação cultural, queremos colocar na nossa agenda

escritores, pintores, escultores e até músicos que queiram mostrar seus trabalhos na

Europa.

O trabalho da Cultive

É divulgar e preparar o campo para que os autores e artistas ligados à Cultive

possam mostrar seus trabalhos na Europa, para isso utilizamos os recursos da mídia,

venda, intermediação, animação, orientação, suporte e apoio, contato com a

imprensa, distribuição e organização de encontros, serviço de intérprete,

organização. Além do incentivo à literatura e às artes, a CULTIVE tem também como

meta organizar eventos caritativos, levando meios de recreação, alimentar e cultural

às comunidades desfavorecidas.

Opinião Literária: Eloy Melônio
Festa Literária em Paranaguá: Posse de Gilka Borges Correia na Presidência do Centro de Letras Leôncio Correia

(Fotos: Divulgação. Colaboração: Marian Pellizzer).

Auditório completamente lotado de confrades, confreiras e amigos de Gilka Borges Correia, no destaque.

No sentido horário: ARRIETE ABREU, DORIS HERDÉRICO E YARA MARA DE CASTRO, NAIR BEATRIZ e NEY DE AZEVEDO, MARIAN PELLIZZER e LUIZ ARTHUR RIBEIRO, VALTERLEI SALMAZZO, MANOELA COLOGNEZI e ARRIETE ABREU, MARIA EVA, MADALENA PIZZATO, VÂNIA ENNES E EMILISIA, 

LILIA SOUZA E MADALENA FERRANTE PIZZATTO, EMILÍSIA E SARA RAQUEL, GLADYS FRANÇA, MADALENA PIZZATO E ANDRÉA MOTTA, JEFFERSON DIECKMANN E GILKA CORREIA, LILIA E TADEU SOUZA, DEIA MOTTA, GILKA CORREIA, NEY DE AZAVEDO, DI MAGALHÃES, VÂNIA ENNES E LUIS ARTHUR e LIRA AGIBERT.

Destaque: Diretor do Centro de Letras Leôncio Correia, José Alexandre Baka, Diretora de Relações Institucionais do Centro de Letras do Paraná, Deia Motta, Secretária da Cultura e Turismos de Paranaguá, Sra. Vera Lucia Fernandes Trotta Telles, Presidente do

Centro de Letras Leôncio Correia, Dra. Gilka Borges Correia e Presidente do Centro de Letras do Paraná, Dr. Ney Azevedo - Solenidade de Posse da Nova Diretoria do Centro de Letras Leôncio Correia - Paranaguá - 11.02.2017. 

Especial: Valquiria e Luciana Imperiano

"Não há ninguém, mesmo sem cultura, que não se torne poeta quando o Amor toma conta dele." Platão

 A atriz Nathalia Timberg prestigiou a abertura da exposição Quixoteando Pelo Brasil, do artista-plástico e imortalda Academia Poética Brasileira, Betto Pereira, no Rio.

Fã de artes, a atriz fez leitura de trechos do clássico Dom Quixote, obra do espanhol  Miguel de Cervantes (1547–1616), que inspira a mostra. Com 10 telas, a coletânea faz homenagem ao quarto centenário da morte do romancista, um dos mais célebres de seu tempo.

Confira mais telas em:

https://www.facebook.com/betto.pereira.3?fref=ts

Exposição de Betto Pereira
Nancy Cono & Delasnieve Daspet

Entrevista: Imortal da Academia Poética Brasileira, Augusto Pellegrinni

 Lírico 

Excelente entrevista feita pelo editor do blog

TEMPO DE MÚSICA.

Confira no link abaixo:

Sígnos Poéticos

19 DE FEVEREIRO – 20 DE MARÇO

Poeta sujeito à momentos críticos de AMOR não correspondido. Possibilidade de reencontros com PAIXÕES passadas. Cor:Roxo. Nº12

FRASE: "Chega de promessas: Briga com alguém, corre pra mim. Arranja outro alguém, corre de mim..." #domeulivroML

Você é o destaque

Aqui, você  mesmo pode gravar seu vídeo falando sua poesia. É gratuito! É INCRÍVEL!

Depois, é só enviar!

Hoje é dia de: 

BRUNO SILVA

Esta é mais uma publicação da ACADEMIA POÉTICA BRASILEIRA/Assessoria de Imprensa

MHARIO LINCOLN é Presidente da Academia Poética Brasileira. / Informações para esta coluna: mhariolincolnfs@gmail.com CURITIBA-PARANÁ-BRASIL. Jornalista Profissional/Sindicalizado

FACE: https://https://www.facebook.com/MharioLincolnFS - www.twitter.com/mhariolincoln